mais sobre mim

subscrever feeds

links

tags

todas as tags

Sábado, 01 DE Agosto DE 2009

A ciência da Graça

Você sabia que na ciência da graça não há rudimentos, não se diz aleluia, nem Deus te abençoe? Quando Paulo fala da falsa ciência se refere aos conceitos de Moisés; (João 16: 29) que diz: “Eis aqui agora falas claramente, e nenhuma alegoria dizes”. Da ciência da graça devemos saber: Como se manifestou e como se manifestava nestes tempos. Efésios 3: 1-3 diz que Paulo foi “prisioneiro dos gentios”, (aos quais foi dada a verdadeira ciência), essa “administração da graça” que é um MISTÉRIO, o revelaram, não aprendeu de homem algum (dos apóstolos). Foi por REVELAÇÃO, que o novo pacto, quando Cristo morre e ressuscita (Gálatas 1: 11). O homem não tem participação (Gálatas 1: 1). É uma revelação específica que o Espírito de Deus se manifesta a ele para edificar a igreja do Senhor, por isso “em Antioquia, Paulo foi chamado de Cristão pela primeira vez, ninguém mais o havia chamado assim. Por isso: Até que uma pessoa não compreenda a função e tarefa do Apóstolo Paulo, não poderá discernir a ciência que foi revelada a ele para o povo gentio. Só Paulo pôs o fundamento e outro edifica (1ª Coríntios 3: 10). Essa GRAÇA foi dada aos gentios (Efésios 3: 1, 2). É “outro” edifica em cima; então a chave é que esse “calcador” julgará conforme o evangelho de Paulo (Romanos 2: 16). Esse “outro” é a pessoa que daria explicação e sentido as 14 cartas de Paulo, ali é onde está o mistério, o novo testamento que nenhum homem pôde ENSINAR. Paulo se viu obrigado a dizer:“… não julgueis nada, até que venha o Senhor,...” (1ª aos Coríntios 4: 5). Esse Senhor é o outro (Jesus Cristo Homem). Que é o juiz justo. Então, há que ser do outro (Romanos 7: 4), não de Jesus de Nazaré porque ele representa a “falsa ciência”, que veio mostrar a verdade de Deus (Romanos 15: 8), manifestou os rudimentos (Hebreus 6: 1, 2), manifestou os dos fundamentos: Pedro falsa ciência e Paulo a verdadeira ciência (Gálatas 2: 7). Essa falsa ciência revela que Pedro é um hipócrita por judaizar aos gentios (Gálatas 2:14). Por isso o Senhor (o outro) começou a aclarar o oculto das trevas, destapou aos falsos apóstolos (2ª Coríntios 11: 13), explicou o livro do Apocalipse (que não é revelação) e destapou a mentira da GRANDE RAMEIRA: O celibato (1ª Timóteo 4: 1- 3). Ensinou-nos nossa posição em Cristo: Estamos abençoados (Gálatas 3: 9, Efésios 1:3); clamamos Aba, Pai!, não aleluia (Romanos 8:15), temos anjos (Hebreus 1: 14). Temos um sumo sacerdote (Hebreus 3: 1) que morreu, ressuscitou e voltou a viver (Romanos 14: 9), e caminha em nosso meio (2ª Coríntios 6: 16) e o chamamos “Pai” (2ª Coríntios 6: 18). Declaramos que seus olhos são iluminados já que logo vem a destruição da RAMEIRA e a transformação de nossos corpos. Amado irmão: Só Jesus Cristo homem nos ensina que nosso trabalho no Senhor não é em vão (1ª Coríntios 15: 58). Abençoado!
publicado por brasileiro às 23:11
Sábado, 01 DE Agosto DE 2009

Si Cristo No resucito vana es nuestra fe, PERO si resucito NO HAY PECADO

publicado por brasileiro às 23:10

pesquisar

 

Agosto 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
16
23
24
30

comentários recentes

Posts mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro