"O GOVERNO DE DEUS"

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5246947749464582370" />Boa noite, povo de graça. Um gozo estar aqui com vocês de novo, compartilhando a poderosa mensagem da palavra de Deus. Um pouco incômodo já que não estou aí presente. Quanto gostaria de estar em minha tribuna, no púlpito de Creciendo en Gracia, que é o púlpito deste poderoso governo. Sinto-me respaldado, ainda que esteja passando por esta pequena tribulação, por causa deste injusto juiz (Piñeiro) se deixar levar pelo pré-juízo da imprensa, pré-juízo do que tem escutado, e não debaixo das evidências que deve um tribunal ou um juiz de basear suas acusações ou alegações. Sinto-me muito triste pelo injusto que me têm tratado, sendo eu um cidadão norte-americano. Mas quero agradecer todo o respaldo que tenho recebido, ainda que esteja longe de vocês, tenho sentido um respaldo muito bonito de muitos de vocês, com gravações, com respaldo, com testemunhos, e quero agradecer a todo o pessoal, Alvy, Rafael, Axel por um lado, em Las Bahamas, Sonia, Tere por lá que querem ajudar tanto, os amo, a todos. E, especialmente a minha filha Jo Ann que é a que está à frente com os livros (contábeis), com os repórteres, com tudo em ordem, eu recebo para ela fortaleza espiritual para todo o trabalho que ela tem feito, e que os anjos a sustentem aí com firmeza, dando-lhe a fortaleza que ela necessita, já que ela é quem tem estado à frente de tudo, os advogados e todas estas injustas acusações que nos têm feito. Bem, por outro lado, queria também dar graças à família de Edward Orellana, Gloria, seu filho Edward e os demais filhos por todos estes anos que ele foi o Bispo de toda a amada em Honduras. Quero agradecer-lhes porque eu tenho trabalhado com eles unido por todos estes anos. De repente lhes saíram das mãos umas situações. E eu da mesma forma que o nomeei Bispo gostaria por este meio fazê-lo saber que gostaria que me entregasse seu bispado, e gostaria de depositá-lo na responsabilidade do irmão Héctor Fonseca, e quisera que, provisoriamente – não o estou nomeando Bispo –; porém, que esteja a cargo das finanças, da ordem nos serviços. Eu espero que TODO O POVO HONDURENHO me respalde a Héctor, porque esse é o nome que eu estou deixando neste momento. RESPEITEM-NO E AJUDEM-NO, POR AMOR À AMADA. Não é porque senti vontade, nem por crítica, nem por e-mails que eu tenha recebido nada. Simplesmente, QUE EM MEU ESPÍRITO, EM MEU ESPÍRITO, SEI QUE AS COISAS NÃO ESTÃO FUNCIONANDO COMO TEM QUE FUNCIONAR. Assim que, obrigado Edward, Gloria por todo o respaldo que me têm dado todos estes anos. Porém no momento, por amor a vocês e pela tranqüilidade de vocês, eu creio que devem deixar este ofício, que não é um dom, é um ofício e é bom desejá-lo. Mas neste momento penso que necessitam de um descanso. Assim que Héctor, recebo sua obediência, recebo a cobertura sobre você e recebo que faz um trabalho para a honra da amada, que é o que Deus mais ama. Ministração da PALAVRA: Bem, então vamos proceder o tema desta noite, e seguimos adiante. Nós temos vindo falando faz um tempo do Governo de Deus na terra, e esse é o tema de hoje: “O GOVERNO DE DEUS NA TERRA”. Jesus de Nazaré, falando deste governo, uma vez disse: - Meu reino não é deste mundo, como o nosso não é deste mundo. Como podemos ver, nosso reino não se vê; porém existe, tem a palavra de Deus respaldando esse governo. Agora observe bem, por dois mil anos este governo esteve ausente da terra por esta causa, porque para ter um governo deve haver um tribunal, e para haver um tribunal deve ter leis. Neste caso, não a lei de Moisés, senão a graça que é as leis espirituais deste tribunal que estiveram codificadas por 2 mil anos e até que a mente de Cristo não se manifestou em um véu que se conhece como jh, José Luis de Jesús Miranda, pois, então não se havia manifestado esse Governo. Porque era o próprio Jesus Cristo quem o ia estabelecer. E já temos um Governo, já temos um Tribunal, já temos suas leis e já temos um poderoso povo, assim que esse povo clama ABA PAI! Glória a Deus por essa situação. Bem, então Paulo brevemente, participou deste Governo, porque ao ficar sem povo, ficou sem Tribunal e ficou sem nada. Ele disse: - Depois de minha partida, se acabou este Governo. Assim que, Paulo temporariamente pode manifestar esse Governo na terra, mas depois ele disse: - Quando vier o Senhor, ele tornará a estabelecer esse Governo conforme a Romanos 2: 16, conforme a meu evangelho. Ele disse assim em Romanos 2: 16. “No dia em que Deus julgará por Jesus Cristo por meio deste evangelho”. Assim diz Romanos 2: 16. E bem, uma vez estabelecido o Governo CEG, em outras palavras, o Governo Creciendo en Gracia, temos julgado a milhões iluminado-lhes seu entendimento e sacando à luz sua verdadeira identidade. Como diz Efésios, capítulo 1, verso 18: “… iluminando os olhos de vosso entendimento, para que comproveis, para que entendais, para que saibais qual é a herança que Deus nos deu.” E no passado, quando Paulo tentou estabelecê-lo, nos deixou exemplo das pessoas que se opunham, porque ele tinha gente que se opunha. Não sei se vocês se lembram de Himeneu, Alexandre, Fileto, Demas, Tiago, João, Pedro, Judas, toda essa gente se opôs a este Governo. E Paulo nos deixou um exemplo a seguir com os que se opõem e fazem afronta a este Governo, a graça do Senhor. Por exemplo, vamos ler Hebreus, capítulo 10, no verso 28 ao 31. Vou ler agora, como mencionei antes, os que se opõem ao Governo quando Paulo estava. Paulo advertiu desta forma em Hebreus, capítulo 10, verso 28 ao 31, ele disse: “O que viola a lei de Moisés, pelo testemunho de duas ou de três testemunhas morre sem misericórdia...” Essa é a lei de Moisés. Agora, estamos falando da lei de Deus, a nova lei de Deus que é a graça, diz: “Quanto maior castigo pensais que merecerá aquele que pisar o Filho de Deus, e tiver por imundo o sangue do pacto no qual foi santificado, e fizer afronta ao Espírito de graça? Ao Governo da Graça. Aí é que está a diferença, diz: “Quanto mais pensais…” Observe que não está escrito é pensando, porque isso está na mente, no templo com o qual servimos a Deus: “Quanto mais pensais…” Porque cada qual que viola estes princípios da graça, pois, pode pensar, pode entrar em uma expectativa de juízo. Aquele que faz afronta ao Governo da Graça está em graves problemas e Paulo teve muito dessa afronta. Por exemplo, Pedro, João, Tiago, Judas – não o Judas Iscariotes, mas o Judas irmão do próprio Jesus - fizeram afronta a este Governo, ao Espírito da graça. E quando diz aí: “… e tiver por imundo o sangue do pacto…”, aí está a igreja católica que tem por imundo o sangue do Pacto ao celebrar suas missas, ao ter um confessionário, ao ter a confissão de pecado estão fazendo AFRONTA ao Espírito da Graça. Porque o Espírito da Graça diz: - Que com uma só oferta nos fez perfeitos para sempre… Não tem que seguir confessando mais. O Espírito da Graça diz: - Onde houve remissão de pecados, já não há mais oferta pelo pecado. O Espírito da Graça diz: - Se ressuscitou, já não estais em vossos pecados… E a Escritura menciona, quando o profeta Zacarias, capítulo 3, verso 9, diz que: - Em um dia tirarei o pecado da terra… Assim que todas estas religiões: católicas, protestantes, evangélicas, ou o que se chame, SE CRÊEM AINDA QUE O PECADO ESTÁ PRESENTE, ESTÃO FAZENDO AFRONTA AO ESPÍRITO DA GRAÇA. E este Governo de CEG (CRECIENDO EN GRACIA), se levantou para apresentar DEFESA com o VERDADEIRO EVANGELHO a estes falsos profetas, a estes falsos da circuncisão que transtornam casas inteiras. POR ISSO, É QUE ESTE GOVERNO ACUSA A TODAS AS RELIGIÕES DE HAVER EMPOBRECIDO AS NAÇÕES, DE HAVER MOLESTADO AS NAÇÕES ROUBANDO-LHES A SAÚDE, ROUBANDO-LHES A PROSPERIDADE, LEVANDO-OS A ESCRAVIDÃO. Então, nós temos que denunciar claramente que estas religiões têm feito afronta ao Espírito da Graça. Agora, bem, este é o primeiro verso ao que se opõe ao Espírito da Graça. Agora, veja o que diz Primeira carta aos Coríntios, capítulo 5, verso 1 ao 5. Diz que houve um homem, porque a pessoa não só se opõe a este Governo quando vai contra o Espírito da Graça, não só contra a doutrina, mas também por uma conduta má. Paulo apresentou em Primeira carta aos Coríntios, capítulo 5, verso 5, diz: “… o tal seja entregue a Satanás para destruição da carne...” O Governo de Deus nas mãos do Apóstolo entregava as pessoas a Satanás, diz: “… o tal seja entregue a Satanás para destruição da carne a fim de que o espírito seja salvo no dia do Senhor Jesus.” Quando diz destruição da carne, mas diz que o espírito seja salvo, está falando de um escolhido. E então quando o Governo de Deus entrega a Satanás certas pessoas – se é escolhido, pode morrer fisicamente, porque ele se vai para a nuvem (de testemunhas) e segue aprendendo Graça ali, e está com os escolhidos que estão fora do corpo, como diz Segunda carta aos Coríntios capítulo 5 verso 10, que estão fora do corpo. Agora, bem, se a pessoa não é escolhida, pode morrer fisicamente ou pode entrar em um espírito de perturbação, ambas podem ficar vivas. Como no caso de Herodes, diz que um anjo passou, o tocou, e que expirou em gusanos, e foi uma morte instantânea. No caso de Tito - que é um abençoado – que vocês sabem da carta que Paulo escreve a Tito, antes de Hebreus, é um escolhido, mas andava desordenadamente e Paulo lhe disse: - Olha Tito, se você não se corrige nisto, vou lhe entregar a Satanás para a destruição da carne. E nós temos visto e experimentado isso. Agora, bem, no caso de Primeira carta a Timóteo, capítulo 1, verso 19, falando doutrinariamente diz: “… mantendo a fé…”, que é o que se tem que manter neste pacto. Tão logo você se vai pode cair nesta maldição. Diz: “… mantendo a fé e boa consciência, naturalmente se mantém a fé, está em boa consciência. Se sai da fé, entra em má consciência, se sente pecador, sente que a lei de Moisés está de pé e sai da boa consciência. Agora, estes que estão aqui diz: … .desprezando a qual naufragaram quanto a fé alguns, dos quais são Himeneu e Alexandre, aos quais entreguei a Satanás para que aprendam a não blasfemar …” Volta o termo: entregar a Satanás. Diz: Aos quais entreguei… O único que podia entregar a Satanás era Paulo UM SÓ HOMEM PODIA FAZER ISSO, mais ninguém. O Apóstolo Paulo entregou a Satanás Tito, entregou a Satanás Himeneu e Alexandre, e imagino que entregou a Satanás também Fileto, a Demas, a Pedro, João e a Tiago porque estes se opunham a Graça. Então, o Governo de Deus na terra tem uma coberta, e é uma coberta espiritual, e você não pode sair dessa coberta. Você pode sair por má conduta, tem que ter cuidado com o seu corpinho até onde te leva, porque o anjo pode permitir que você parta prematuramente, que saia do corpo antes do tempo. Agora pode também ser entregue a Satanás. Você fica vivo; porém, entra em uma perturbação perpétua, fica perturbado, toma más decisões, não sabe o que fazer, ou seja, fica pela misericórdia de não sei de quem, pela sua misericórdia, porque os anjos se despedem de você. Os anjos dizem: - Este homem tem blasfemado, este homem saiu da doutrina, violou a unidade do espírito, não está submetido ao Apostolado. Quer dizer que fica sem Cobertura; e Cobertura há uma só. Não há duas. Não há outro tipo de Cobertura. HÁ UMA SÓ COBERTURA. Portanto, isto é mais sério do que estamos pensando, de como devemos atuar, como devemos pensar, que decisões tomamos. Porque uma vez você saindo da Cobertura, bem, está à deriva, está recebendo instruções da sua mente carnal, que às vezes parecem espirituais. Como está o sistema protestante hoje, eles fabricam sermões da mente carnal, mas não da mente de Cristo. Por isso, quando fala que o que tem sabedoria entende o número da besta 666. Quem tem sabedoria? Pois, só a mente de Cristo, mais ninguém tem sabedoria, para entender que nesse número há sabedoria. E porque as religiões estão perturbadas com o 666? Pois, porque não têm a mente de Cristo. E como vão ver sabedoria nesse número se não têm a mente de Cristo? SÓ A MENTE DE CRISTO PODE VER SABEDORIA NESSE NÚMERO. (Aplausos). Então por esta causa o Governo de Deus neste momento, nesta noite, neste dia, eu tenho – junto com esse povo poderoso de Creciendo en Gracia - entregar a Satanás. Agora, vou advertir a imprensa que não vá editar isto como parecendo que eu estou ameaçando de morte. Porque eu não estou mandando matar a ninguém, eu não estou enviando nenhuma maldição. Estou falando da cobertura angelical, uma cobertura que está ao redor do povo de Creciendo en Gracia, e que isto é um governo mais poderoso do que o governo dos Estados Unidos e que qualquer governo na terra. (Forte e Entusiasmado Aplauso de Pé). Estamos falando do GOVERNO DE DEUS SOBRE TODAS AS NAÇÕES, O GOVERNO MAIS PODEROSO QUE AINDA NÃO FOI VISTO EM TODA SUA MANIFESTAÇÃO, MAS QUE ESTÁ PRESENTE PARA CASTIGAR TODA DESOBEDIÊNCIA E TODA JUSTA RETRIBUIÇÃO. E, NESTE MOMENTO, EU TENHO QUE SUBMETER A ESSA COBERTURA ANGELICAL A SENHORA JOSEFINA TORRES, AO SENHOR CARLOS CESTERO E AO JUIZ MAU (ROBERTO) PIÑEIRO. VOU SUBMETÊ-LOS A ESSE GOVERNO E LÁ ELES COM SUA CONSCIÊNCIA E A COBERTURA. A mim, que não lancem a culpa, porque eu não estou eliminando ninguém. MEU DEVER COMO JUIZ JUSTO, MEU DEVER COMO JUIZ DESTE GOVERNO É DECLARAR A TODA PESSOA QUE FAZ AFRONTA AO ESPÍRITO DA GRAÇA, QUE FAZ AFRONTA A ESTE GOVERNO, SUBMETÊ-LO À COBERTURA DE ANJOS, À MULTIDÃO DE ANJOS QUE HÁ, ATENTOS A ESTE MINISTERIO. É MEU DEVER. Assim que a Imprensa tenha cuidado como mal interpreta isto e como edita, porque lhe virá a mesma manifestação a vocês se mentirem nisto. (Aba Pai). (Aplausos). NÃO ME FAÇO RESPONSÁVEL POR QUALQUER EDIÇÃO MÁ DA PARTE DE VOCÊS... E quando digo nomes, me refiro – não estou usando um mal proceder – porque Paulo sempre falava por nomes, dizia: - Demas me desamparou, Alexandre o Caldereiro me causou muitos males, Himeneu e Fileto blasfemaram… E quando eu digo CARLOS CESTERO, me refiro por estar participando a favor de Josefina no juízo. Ele é testemunha contra mim defendendo a Josefina, depois de tudo o que ele passou, e depois que falou tão mal dela e a maltratou, agora participando a favor dela. Eu penso que Carlos me tem mostrado que ele nunca creu em mim, depois que disse que eu era Jesus Cristo homem, que era Deus mesmo, agora estar testificando contra nós. Eu creio que sua medida se destapou em seu tempo. Assim que, abençoados, Povo de Creciendo en Gracia como me HONRA ser o Juiz de todos vocês, como me HONRA ser o Juiz deste Governo, como me HONRA representar a Jesus Cristo homem nesta hora onde estamos a ponto de manifestar-se A MANIFESTAÇÃO DA TRANSFORMAÇÃO DE NOSSOS CORPOS CORRUPTOS A CORPOS INCORRUPTÍVEIS, ONDE ESTE CORRUPTÍVEL SE VESTIRÁ DE INCORRUPÇÃO. (Aplausos). Assim que, Povo da Graça, nesta noite, me despeço de vocês, declarando-os: ABENÇOADOS, COM TODA BENÇÃO! AMO A TODOS VOCÊS, UM ABRAÇO A TODA A AMADA A NÍVEL MUNDIAL QUE ESTÁ EM COMUNHÃO CONOSCO ATRAVÉS DE TELEGRACIA, NETGRACIA E TODOS OS QUE ESTÃO VENDO ESTE CALQUEO NESTE MOMENTO.
publicado por brasileiro às 12:20