JESUS CRISTO HOMEM

"A VIDA DO ESPÍRITO NOS DIAS DE
JESUS CRISTO HOMEM"


Você sabia que, para entrar à vida do ESPÍRITO, tem que deixar os
rudimentos que Jesus praticou em seus 33 anos?


Hebreus 6: 1 e 2 diz que tem que DEIXAR os rudimentos da doutrina de Cristo (batismos, imposição de mãos, o juízo...) para ir à perfeição. 

Hebreus capítulo 9: 9 a 11, o Apóstolo Paulo diz que tem que DEIXAR as ordenanças para a carne, porque isso era até o TEMPO de REFORMAR as coisas. Porque “Cristo” já está presente, dando a entender, que se ele está PRESENTE, já NÃO há que seguir com isso.

Porque cristianismo NÃO é fazer o que Jesus fez, já que Jesus NÃO foi CRISTÃO. Ele foi judeu. Um cristão é aquele que DEIXA de fazer o que Jesus fez, e crê que o que ele fez, se atribui a ele por FÉ. Aí começa a VIDA do ESPÍRITO.

A vida do espírito é deixar os rudimentos, NÃO é falar em línguas, nem jejuar; na vida do espírito está a perfeição; ali NÃO existe atividade de sua carne. Hoje, muitos estão confundidos, ao crer que a VIDA do ESPÍRITO é viver a vida que Jesus de Nazaré viveu. Essa NÃO é a vida do espírito.

Romanos capítulo 4: 4 a 6, diz que se você cumpre os “rudimentos da doutrina de Cristo” (obras), isso é DÍVIDA. NÃO se pode mesclar a FÉ; ou é por OBRAS ou é por FÉ. Agora, o que NÃO obra (verso 5) – aquele que NÃO cumpre a doutrina de Jesus e crê – sua fé lhe é contada por justiça. 

A atitude é entrar no REPOUSO, para não entrar em dívida com Deus (Hebreus 4: 10), já que a carne é um ESTORVO para ir à perfeição. É pela FÉ sem obras que você entra à MATURIDADE, à vida do espírito. Um “crente” tem que MORRER (sem obras). Assim, Deus lhe imputa sua JUSTIÇA através da FÉ.

Como você abandona as obras e vive pela FÉ? Servindo a Deus com a mente (Romanos 7: 25) As pessoas que NÃO usam a MENTE, são ANIMAIS com duas pernas. Por isso, a apostasia é uma atividade diária de OBRAS, que necessitou dos rudimentos da doutrina de Cristo para permanecer. Eles apostatam da fé, e isso era necessário antes da VINDA do Senhor.

Primeira carta a Timóteo 4: 1, diz que se apostata (se nega) a fé com obras, e uma pessoa que está em “doutrina de demônios”, ou crer que está “possuída” , se aparta da FÉ, isso é um desejo enganoso (Efésios 4: 22).

Há que levar todo pensamento cativo (Segunda carta aos Corintios 10: 3 a 5). Já que nosso tesouro está em um vaso de barro (Segunda carta aos Corintios 4: 7) Por isso, cremos e confessamos que a vida de Jesus se manifesta (Segunda carta aos Corintios 4: 10 a 11). Já que somos o povo que NÃO diz: Estou enfermo (Isaías 33: 24).            
  
Abençoado irmão:  O declaramos iluminado, e entenda que estamos em saúde e não vivemos por obras, senão pela fé.


publicado por brasileiro às 17:43