JESUS CRISTO HOMEM

"AS ERAS E AS MUDANÇAS"

Você sabia que, hoje, DEUS não está em Melquisedeque, nem em Jesus de
Nazaré, nem no ressuscitado, senão em Jesus Cristo homem?

 
Hebreus capítulo 7, verso 12, é uma EVIDÊNCIA de uma mudança de Deus. Diz que mudou de lei. E essa lei, Deus a deu através de Moisés.

Quando Cristo morre e ressuscita, houve uma mudança de lei, o próprio que a deu, a tirou, e estabeleceu outra lei (um pacto sobre melhores PROMESSAS), porque Deus é um Deus de mudanças. A Bíblia diz que Jesus Cristo é o MESMO de ontem, hoje e pelos séculos, mas seus pactos mudam.

Quando Israel estava no deserto, havia uma NUVEM que os dirigia, quando fazia calor a NUVEM lhes dava “sombra”. Deus os dirigia através de uma nuvem, de dia; e de noite, como fazia FRIO, lhes punha uma coluna de fogo que lhes aquecia. Tinha que seguir com a nuvem, porque Deus NÃO ficava em um mesmo lugar. Deus, por uma ROCHA, lhes dava água e lhes baixava MANÁ do céu.

1. “Diferentes Véus- Mas um mesmo espírito”. Deus se manifestou em Melquisedeque, em Moisés, em Jesus de Nazaré, mas foi o mesmo ESPÍRITO. Diferente carne, mas o MESMO espírito. NÃO podemos “encaixotar a Deus” de uma maneira. No caso:
2. “Jesus de Nazaré. Espírito- o mesmo”. O véu se chamou Jesus de Nazaré, mas o ESPÍRITO que estava dentro era o mesmo que estava em Melquisedeque. No caso de Jesus de Nazaré, houve uma INTERVENÇÃO divina no ventre, já que Maria foi uma incubadora onde o Espírito Santo fez fez sombra sobre ela, sem ter relação sexual com José.

3.- O Ressuscitado. Espírito- o mesmo. Jesus de Nazaré morreu, e ele era de Nazaré, era JUDEU. Quando morre e ressuscita, o faz com um corpo glorificado, houve também uma MUDANÇA em seu exterior. Diz a história que ascendeu e já não se viu mais. Então, a Paulo foi revelado o novo pacto, que escreveu em catorze epístolas, mas o mataram e a apostasia entrou. (Deus ficou dois mil anos sem se manifestar).

Mas, o Apóstolo Paulo, escreveu que o Senhor viria aclarar u oculto das trevas. A aclarar algo confuso, porque iriam proliferar doutrinas de homens, filosofias humanas, como vimos. Ele viria como ladrão na noite.

José Luis. Espírito –o mesmo. Naquele momento, o VÉU era judeu  (Jesus de Nazaré), hoje é BORICUA (porto-riquenho) em nosso Apóstolo e Pai.
 

Quando alguém se converte ao Senhor, a qual Senhor se converte? Depende em que tempo o crente viva. Do ano 1 ao 33 –a Jesus de Nazaré. Do 33 a 1973, ao ressuscitado. De 1973 a nossos dias, a José Luis, já que estava profetizado nele, a segunda vinda de Cristo, como Jesus Cristo homem.

Apreciado irmão:  O declaramos iluminado, e entenda que estamos convertidos a nosso Apóstolo José Luis De Jesús Miranda, a última manifestação de Deus.

 

 

publicado por brasileiro às 13:38
sinto-me: