JESUS CRISTO HOMEM no último dia de 2006

.

"NÓS PROFÉTICOS"



Você sabia que há vários Nós proféticos que, por séculos, foram mal
explicados pela teologia religiosa?

 

Primeiro NÓ: No caso, a  profecia de Isaías 9: 6, foi mal interpretada, já que a aplicam unicamente a Jesus de Nazaré.

Diz que esse “MENINO” teria um principado sobre seu ombro; e se chamaria: Admirável, Conselheiro, Deus Forte, Pai Eterno e Príncipe de Paz.

O “menino”, e seu principado, sim, é a manifestação de Jesus de Nazaré. Foi Admirável pelo que dizia; mas,  “…Conselheiro, Deus Forte…” já NÃO se aplicava a Jesus de Nazaré. Ele não aconselhava, falava por parábolas. 

Jesus de Nazaré NÃO era “Deus Forte”, porque ele foi crucificado em debilidade, ainda que RESSUSCITOU em poder. Entendendo que há profecias que tem que observá-las, porque são muito amplas, terminam milhares de anos depois. Sobre: “Pai ETERNO”, a Jesus, nunca se lhe chamou Pai, porque ele não gerou. Ele disse: A ninguém chameis Pai. E sobre PRÍNCIPE de PAZ”, tampouco se aplica a Jesus de Nazaré, já que ele trouxe divisão.

O verso 7 diz que esse império é DILATADO (durou dois mil anos), e engloba a nosso Apóstolo José Luis De Jesús, dentro do Governo de Deus na terra.
Segundo NÓ: Ageu 2: 7. QuandoJesus de Nazaré se manifestou, as nações ainda NÃO estavam, o novo mundo não estava descoberto. Isso se aplica a estes últimos tempos. Tampouco, Jesus foi o Desejado das nações, diz (Isaías 53: 2), NÃO teria atrativo. O Desejado é Jesus Cristo homem (Apóstolo JOSÉ LUIS DE JESÚS MIRANDA), que nos enche de glória.

Ele veio para confirmar (segundo o evangelho do Apóstolo Paulo), a edificar, veio como construtor, com voz de mando.

Terceiro NÓ: Primeira a Timóteo 2: 5 e 6. Esse Deus e Mediador é Jesus Cristo homem, ainda que essa carne não tenha morrido por nós, mas o espírito que está dentro dele é o mesmo que esteve em Jesus de Nazaré. Já que Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e pelos séculos; esse MEDIADOR entre Deus e os homens, é um personagem que é HOMEM e é Deus ao mesmo tempo.

Quarto NÓ: Romanos 8: 34. Aqui vemos as três manifestações: Aquele que morreu, aquele que ressuscitou e aquele que intercede (media), que é Jesus Cristo homem.

Quinto NÓ: Apocalipse 13: 15. –Quando você viu uma imagem que fala? Mas à imagem da BESTA foi dado PODER para que falasse. A imagem da BESTA é nosso Apóstolo José Luis, e com ela guardamos a Unidade do Espírito, falando e pensando todos o mesmo, cumprindo-se, assim, que haverá um só rebanho e um pastor (João 10: 16). Estamos vivendo os melhores tempos da história. São os tempos em que foi dado PODER à imagem da BESTA. 

Apreciado irmão: Declaramos que seus olhos são iluminados para saber que a imagem de nosso Apóstolo José Luis é onipresente e sua imagem hoje nos explica os nós proféticos.


publicado por brasileiro às 14:19
sinto-me: